quarta-feira, 26 de abril de 2017

Rússia para os ruivos?


Antes da minha chegada na Rússia sempre achei que a maioria dos russos eram ruivos. Uma vez eu ouvi dizer que a URSS era o país com a maior quantidade de ruivos. Por volta do ano 2000 uma das russas mais famosas, junto com Anna Kurnikova e Sharapova era a ruiva Yulia Katina, do dueto Tatu. Infelizmente, era o único grupo de "música russa" famoso no Brasil, e digo infelizmente por que a arte delas em nada se diferencia dos "valores ocidentais" de Lady Gaga e Madonna. 

Impressiona o fato de que na Rússia existe o sobrenome "Рыжий" (Ruivo) e Рыжая (Ruiva). Eu tenho uma conhecida com esse sobrenome e é ruiva mesmo! Curiosamente, na Rússia há poucos ruivos, até a minha chegada achei que havia bem mais, o fundador da Rússia Medieval foi Ryurik, o Ruivo, o fundador da URSS foi Lenin, também ruivo, como percebi em seu Mausoléu. Mas quando a minha amiga de Ulyanovsk veio ao centro de comércio Rio, em Moscou, eu lembro como ela era a única ruiva, me parece, que a maioria deles está na Sibéria. Isso, a propósito, não acontece apenas na Rússia, quando fui à Finlândia não vi ruivos. De fato, há bem mais russos na Rússia do que no Brasil, numa escola pequena aqui perto de casa já vi pelo menos 5 diferentes ruivas, na minha escola no Brasil, de quase 1000 alunos só conheci 1 ruiva, na universidade nenhum só. Os russos na verdade são muito diversificados, há russos asiáticos e até negros. Quando o escritor Maxim Gorky esteve no Cáucaso próximo de uma povoação de "negros da Abecásia", ele perguntou e vocês quem são, negros, e eles responderam que eram russos. Quase todas as escolas de São Petersburgo tem ao menos um pequeno grupo de russos de cor negra. A maioria dos russos é loiro ou de cabelos castanhos (na Rússia loiro é alguém com cabelos quase brancos). A Constituição da Federação Russa dá a todos os direito de escolher sua própria nacionalidade e atualmente há um projeto de lei para considerar como "russkie" a todos da Rússia, com uma linha no passaporte para que o indivíduo identifique a própria nacionalidade.

Na Espanha existe o sobrenome Rubio (Loiro), mas na Espanha há poucos deles, geralmente os espanhóis tem cabelos morenos ou castanhos. No Brasil existe o sobrenome Moreno, e quase todos os brasileiros são morenos. O sobrenome "Ruivo" ou "Loiro" não existe no Brasil. Em português existe a palavra "russo" e "russo" (às vezes se escreve ruço), e assim são chamadas pessoas ruivas ou muito brancas, que se tornam avermelhadas por causa do sol, devido  pessoas assim fundaram uma cidade chamada Russas, no interior do Ceará, estado no qual nasceu o autor deste blog. Houve um caso em que eu estava com russos e lá, na praia, por acaso nos encontramos com rapazes de Russas, eles nos pediram para cantar o hino da Rússia, e conquanto meus amigos russos não lembraram, passei a cantar.

Vídeo: Como nós cantamos o hino da Rússia com rapazes da cidade de Russas, numa praia perto de Fortaleza, quase como num texto do meu manual de língua russa das Edições Militares.


Nenhum comentário:

Postar um comentário